Serviços

A quem atendemos:

Pacientes em Cuidados Paliativos; Portadores de Doenças Degenerativas; Pacientes em Processo de Reabilitação; Pacientes Geriátricos (Idosos); Pacientes Oncológicos

Paciente em Cuidados Paliativos

 

“ O sofrimento só é intolerável quando ninguém cuida” (Cicely Saunders).

“ O médico deve acalmar o sofrimento e as dores, não apenas quando este alivio possa trazer a cura, mas também quando pode servir para procurar uma morte doce e tranqüila.” (Francis Bacon).

Atualmente muito se tem discutido sobre procedimentos adotados no tratamento das enfermidades humanas, especialmente as denominadas doenças terminais. Neste sentido dentre as tentativas de minimizar o sofrimento ocasionado por tais enfermidades, os cudados paliativos tem por finalidade aliviar a dor, com ética e principalmente com dignidade para o paciente que apresenta uma doença terminal.

A palavra paliativa é derivada do vocábulo latino pallium que significa manto, cobertor, com o objetivo de oferecer proteção contra as intempéries da caminhada. A proposta é de promover o alivio do sofrimento, a compaixão pelo doente e promovendo suporte a seus familiares , o controle impecável dos sintomas e da dor, a busca pela autonomia e pela manutenção de uma vida ativa enquanto ela durar.

O índice de doenças crônicas degenerativas por exemplo: tem aumentado em decorrência do aumento populacional. A doença que já não responde mais ao tratamento, causa vulnerabilidade por tornar próxima a noção de terminalidade. Neste contexto cuidados paliativos são descrito como estratégias de intervenção para promover qualidade de vida.